TRANSFORMAÇÕES ESPACIAIS NA AMAZÔNIA ORIENTAL: PARAUAPEBAS COMO CIDADE MÉDIA

Áthila Lima Kzam

Resumo


O trabalho analisa a rede urbana paraense em face da reestruturação econômica em curso na Amazônia Oriental. Considerando os ordenamentos territoriais na história da região, assim como a modernização do espaço, o artigo procura refletir acerca das cidades médias e a sua importância para a rede urbana regional. Associa a reestruturação urbana na Amazônia Oriental ao estimulo à participação do grande capital na ocupação territorial contextualizando com surgimento de Parauapebas. Por fim, procura reconhecer os principais fluxos e configurações espaciais da rede de cidades comandada por Parauapebas.

Palavras-chave: Rede Urbana. Cidades Médias. Ordenamento Territorial. Parauapebas.


Texto completo:

PDF

Referências


AMARAL, Márcio Douglas Brito. Dinâmicas Econômicas e Transformações Espaciais: a metrópole de Belém e as cidades médias da Amazônia oriental: Marabá (PA) e Macapá (AP). 2010. Tese (Doutorado em Geografia) – Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2010.

AMORIM FILHO, O.; SERRA, R. V. Evolução e perspectivas do papel das cidades médias no planejamento urbano e regional. In: ANDRADE, T. A.; SERRA, R. V. (Org.). Cidades médias brasileiras. Rio de Janeiro: Ipea, 2001.

BECKER. B. Amazônia. São Paulo, Ática: 1990.

CHRISTALLER, W. Central places in southern Germany. Trad. By Carlishe W. Baskin. Englewood Cliffs: Prentice-Hall, 1966. CORRÊA, R. L. A periodização da rede urbana da Amazônia. Revista Brasileira de Geografia, Rio de Janeiro, v. 4, n.3, p. 39-68, jul./set. 1987. _______. A Rede Urbana. São Paulo: Ática, 1994.

_______. Rede urbana e Formação Espacial: uma reflexão considerando o Brasil. Revista Território, Rio de Janeiro, ano. 5, n.8, p.121-129, jan./jun.2000.

DELEUZE, G.; GUATTARI. F. O que é filosofia? São Paulo: Editora 34, 1997.

GRANDIN, G. Fordlândia: Ascensão e queda da cidade esquecida por Henry Ford na selva. São Paulo, Rocco, 2010.

IBGE. Região de influência das cidades. Rio de Janeiro, 2018.

KZAM, A; PINTO, L. Amazônia Decifrada. Belém: SEE, 2012.

MIRANDA NETO, J. Q. Os nexos de re-estruturação da cidade e da rede urbana: o papel da Usina Belo Monte nas transformações espaciais de Altamira-PA e em sua região de influência. Presidente Prudente: [s.n], 2016.

PORTO-GONÇALVES, C. Amazônia, Amazônias. São Paulo: Contexto, 2001.

ROCHA, G. A dinâmica territorial da malha político-administrativa municipal da Região Norte do Brasil (1988-2010). Novos Cadernos NAEA, nº 1, Belém, jun./2013. p. 211-228.

ROCHA, G.; TRINDADE JR. S. (Orgs.). Cidade e empresa na Amazônia: gestão do território e desenvolvimento local. Belém: Paka-Tatu, 2002.

Rodrigues, J. Produção das desigualdades socioespaciais em cidades médias amazônicas: análise de Santarém e Marabá, Pará. Presidente Prudente: [s.n], 2015.

SANTOS, M. A Urbanização Brasileira. São Paulo: Hucitec, 1993.

_______. A Natureza do Espaço. São Paulo: USP, 2006.

SANTOS, M.; SILVEIRA, M. O Brasil: território e sociedade no início do século XXI. São Paulo: Record, 2001.

SOUZA, M. L. “O território: sobre espaço e poder, autonomia e desenvolvimento”. In: CASTRO, I. E.; GOMES, P. C. C; CORRÊA, R. L. Geografia: Conceitos e Temas. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1995.

SPOSITO, M. E. B. (et al). O estudo das cidades médias brasileiras: uma proposta metodológica. In: SPOSITO, M. E. B. (Org.). Cidades médias: espaços em transição. São Paulo: Expressão Popular, 2007. p. 35-68.

_______. O chão em pedaços: urbanização, economia e cidades no Estado de São Paulo. Tese (Livre Docência) - UNESP, Presidente Prudente, 2005.

TAVARES, M. G. A formação territorial do espaço paraense: dos fortes à criação de municípios. Revista ACTA Geográfica, ANO II, n°3, jan./jun. de 2008.

TOURINHO, H. L. Z. Estrutura urbana de cidades médias amazônicas: Análise considerando a articulação das escalas interurbana e intraurbana. 2012. 576 f. Tese (Doutorado em Desenvolvimento Urbano) – Centro de Artes e Comunicação, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2011.

TRINDADE JR., S. Cidades médias na Amazônia Oriental: das novas centralidades à fragmentação do território. In: XIV Encontro Nacional da Associação Nacional de Planejamento Urbano e Regional, 2011, Rio de Janeiro. Anais: ANPUR, 2011. p.135-151.

_______. Das “cidades na floresta” às “cidades da floresta”: espaço, ambiente e urbanodiversidade na Amazônia Brasileira. In: Papers do NAEA, n° 321, Belém, Dezembro de 2013. pp. 1-22.

_______. Cidades e centralidades urbanas na amazônia: dos diferentes ordenamentos territoriais ao processo de urbanização difusa. Revista Cidades, nº 21, v. 12. São Paulo: UNESP, 2015. p. 305-334.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


GeoAmazônia. Todos os Direitos Reservados.
Print ISSN: 1980-7759 (impresso)
eISSN: 2358-1778
DOI da Revista GeoAmazônia: 10.17551/2358-1778/geoamazonia

Indexadores: DOAJ - Latindex - Periódicos da CAPES - Crossref -  BASE - DRJI -Open Science Directory/EBSCO - Google Acadêmico - Wordcat - Index Corpenicus - Suncat - SUDOC - COPAC - Scilit - ERIH PLUS - REDIB (antigo E-Revista) - EZB - Sumários - LivreEuropub - ZDB - GIGA - CIRC - Openaire - OAJI - Jifactor - Diadorim - MIAR - Citefactor - Journal Factor - Infobase - Biblioteke Virtual - Sindexs - Researchbib - PBN - SHERPA/ROMEO - ZB MED - La Referencia - REBIUN - World WideSciente. Org